1) Aprenda a desenhar

Você não precisa ser o melhor desenhista do mundo, tampouco conhecer diversas técnicas de ilustração. No entanto, saber desenhar irá ajudar muito nas tarefas do dia-a-dia. Você será capaz de fazer um exemplo rápido para um cliente, um esboço de como a peça ficará no final. Dessa forma você consegue passar a sua ideia e conseguir uma aprovação antes de partir para o trabalho final.

Muitos pedidos de clientes podem ser tão inusitados que você não encontrará nada semelhante na internet. Então saber desenhar irá te poupar muito tempo e irá agregar valor ao seu trabalho final. Originalidade e praticidade!

2) Conheça seu público

E também o público do seu cliente! Por quê estamos falando isso? Porque o que você precisa entender é que o vantajoso para o seu negócio é que seus clientes estejam satisfeitos, e nem sempre eles sabem o que precisam, ou muitas vezes acham que uma estampa é ideal, quando na verdade não é o que irá vender. Você também precisa saber até que ponto sua liberdade artística trará pontos positivos para o projeto ou quando ela deve respeitar alguns limites.

O seu maior objetivo é que seu cliente retorne, certo? Então ajude-o a vender mais conhecendo melhor sua audiência. Dessa forma você será capaz de escolher com maior segurança as cores e elementos que irão compor o seu trabalho

3) Seja Pró-Ativo

Uma empresa solicitou o orçamento e você passou, não teve mais retorno? Entre em contato! Um cliente solicitou uma arte, você fez e enviou para ele mas ainda não obteve um feedback? Entre em contato!

Ser pró-ativo e estar em permanente contato com seus clientes é uma excelente forma de fazer os projetos acontecerem e prevenir crises! Isso porque imagina que seu cliente pediu uma encomenda bastante grande para um evento, você fez o orçamento e enviou, aí ele lembra apenas um dia antes que precisa das camisetas. Negócio arruinado, não é? É claro que é responsabilidade do cliente avisar o deadline para a entrega e tudo mais. Mas para evitar dores de cabeça e negócios não concluídos, CONVERSE, pergunte, anote e cobre!

4) Preste atenção nos seus materiais

Imagine que você receba um pedido urgente, vai buscar a tinta, a camiseta, a matriz e aí percebe que você não tem os materiais necessários para dar conta do pedido que acabou de receber?! Desastre, não é?

Deixe seus materiais organizados, porém sempre à vista, ou senão você corre um sério risco de esquecer de fazer seu pedido e acabar encontrando-se na situação acima.

Caso prefira guardar tudo em gavetas e armários, crie uma rotina para inventariar seu estoque.

5) Não leve para o lado pessoal

Você ouviu todas as orientações do cliente, estudou a arte, fez alterações, buscou inspiração e referência, é o profissional que ele buscou e mesmo assim tem que ouvir críticas e fazer alterações e mais alterações? Não se desespere! Todo mundo que trabalha com personalização de produtos passa por isso!

Para você ser um bom profissional e não sofrer de ataques de ansiedade, respire fundo e não leve para o lado pessoal. Aprenda com as críticas, previna futuras refações conversando com o seu cliente, fazendo provas e procurando entender melhor exatamente o que ele espera do seu trabalho.

Gostou das dicas? Para mais sobre serigrafia, sublimação e nossos produtos siga nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

 

impressão e tintas UV

A impressão com tintas UV e suas vantagens

No post de hoje vamos falar um pouco mais sobre a impressão com tintas UV e te preparar para o próximo lançamento Fremplast: INK JET UV FLEXÍVEL. Mas, afinal,...

Leia Mais
page 01 8 - Dicas para escolher o moletom certo para sua marca

Dicas para escolher o moletom certo para ...

Como escolher o moletom certo para a sua coleção de inverno? Você deseja criar um produto de qualidade que irá ajudar a construir sua marca ou apenas produzir uma...

Leia Mais
prensa térmica

4 dicas na hora de trabalhar com uma pren...

No post de hoje vamos focar em dicas na hora de usar a sua prensa térmica para estampar que vão lhe ajudar a poupar dinheiro. As prensas térmicas são...

Leia Mais